4 Dicas para eliminar rapidamente os gases

A presença de gases no trato gastrointestinal pode causar dores, desconforto e distensão abdominal. O acumulo de gases (flatulência) ocorre principalmente devido à deglutição de ar ou produção de gases durante o processo de digestão de alimentos.

Existem algumas formas de eliminar os gases e assim aliviar os seus sintomas, como a prática de exercícios físicos, realização de massagem, uso de medicamentos ou de chás feitos a partir de plantas medicinais.

1. Caminhadas e exercício físico

Caminhar e praticar atividade física aumenta o peristaltismo intestinal, que são os movimentos responsáveis pelo transporte do bolo fecal e gases no intestino. Assim ajuda-se o funcionamento do intestino e eliminação dos gases.

Portanto, na presença de gases pode-se imediatamente começar a caminhar ou fazer alguma atividade física como pular corda, ou alongamentos. Essas medidas ajudam a eliminar os gases logo após alguns minutos e aliviam as dores e o desconforto da distensão abdominal.

Posturas de alongamento e ioga que comprimem o abdômen, como posicionar as pernas flexionadas sobre o abdômen, também ajudam na eliminação dos gases, aliviando-os.

A prática diária de caminhada, cerca de 20 a 30 minutos, ou realização de atividade física moderada também diminuir a distensão abdominal e reduz a possibilidade de novos episódios de flatulência.

2. Massagem

A realização de massagem abdominal pode aliviar os gases, principalmente em crianças pequenas e lactentes.

Em adultos, a automassagem também é uma opção, costuma estar indicada principalmente para casos de constipação crônica, que também leva ao acumulo de gases. Após o fim da massagem espera-se que o movimento peristáltico aumente logo a seguir levando ao alívio dos gases.

Pode ser feita através das seguintes etapas:

  • Primeiramente a pessoa deita-se com a barriga para cima, deve então começar a massagem fazendo movimentos leves com a palma das mãos, começando da região do púbis (na base da barriga) e percorrendo a barriga em direção ao tórax. Essa etapa prepara a musculatura para a massagem mais profunda e deve ser repetida cerca de 10 vezes.
  • Depois as mãos devem ser posicionadas nas costas e levadas por cima dos quadris em direção a virilha. Esse movimento irá estimular a função intestinal e também pode ser repetido por 10 vezes.
  • Na terceira parte deve-se aplicar uma pressão um pouco maior e fazer um movimento no sentido do intestino grosso como se estive a espremer um tubo de pasta de dente. Deve-se começar com as mãos uma sobre a outra, posicionadas sobre a região inferior direita do abdômen, próximo à virilha, que é então deslizada pela barriga em direção à caixa torácica. Depois as mãos descem em direção a região inferior esquerda. Isso ajudará a impulsionar a matéria fecal ao longo do intestino. Esse movimento pode ser feito durante dois minutos.
  • Por fim, fazem-se movimentos circulares profundos com as mãos da região superior esquerda do abdômen para baixo e depois da região inferior direita do abdômen para cima, e intercalar durante mais dois minutos. Pode-se repetir novamente a terceira etapa.
  • 3. Uso de medicamentos

    Medicamentos, como a simeticona, também podem ser usados no tratamento dos gases, quando as demais medidas como exercício físico e massagem não apresentam resultados satisfatórios.

    A simeticona ajuda a romper as bolhas de gases que se forma no trato gastrointestinal e impedindo a formação de novas bolhas. Esse medicamento começa a agir entre 10 a 30 minutos após a sua ingestão, sendo uma opção para o alívio dos gases.

    A simeticona pode ser usada por crianças e adultos, consulte um médico para saber a dose mais indicada.

    4. Uso de chás e plantas medicinais

    Plantas medicinais como a erva-cidreira, a erva-doce e o hortelã-pimenta possuem ação contra os gases e antiespasmódica, portanto, podem ajudar no alívio das cólicas intestinais, dores e desconforto causados pelos gases.1,2

    A forma de uso mais comum é através de chá, que pode ser tomado de 2 a 3 vezes ao dia.

    O hortelã-pimenta também pode ser encontrado em cápsulas e é disponibilizado em farmácias do SUS, consulte um médico caso deseje fazer uso desse fitoterápico em cápsulas.

    Como evitar a formação de gases em excesso?
    • Faça pequenas refeições durante ao dia, ao invés de poucas refeições com excesso de alimentos. Refeições menores são mais fáceis de digerir;
    • Mastigue a comida devagar e com cuidado para evitar que o ar seja deglutido em excesso;
    • Pratique atividade física;
    • Não fume, esse hábito aumenta a deglutição de ar e piora os sintomas de gases.
    • Evite o uso de gomas de mascar e chicletes;
    • Evite alimentos que aumentam a formação de gases, como feijões, brócolis, repolho, couve-flor, alcachofras, lentilhas, ameixas secas, maçãs, couve de Bruxelas, entre outros.

    Caso os sintomas não cessem ou apresente outros sintomas como febre, vômitos, diarreia, perda de peso inexplicável, consulte um médico de família ou clínico geral para uma avaliação inicial.

    Referências:

    1. Brasil. Ministério da Saúde. Práticas integrativas e complementares: plantas medicinais e fitoterapia na atenção básica. Brasília: Ministério da Saúde, 2012. (Série A. Normas e Manuais Técnicos) (Cadernos de Atenção Básica; n. 31).

    2. Brasil. Conselho Regional de Farmácia do Estado de São Paulo. Departamento de Apoio Técnico e Educação Permanente. Comissão Assessora de Plantas Medicinais e Fitoterápicos. Plantas Medicinais e Fitoterápicos. / Conselho Regional de Farmácia do Estado de São Paulo. – São Paulo: Conselho Regional de Farmácia do Estado de São Paulo, 2019. 4ª edição.

    Referências bibliográficas

    More Questions From This User See All

    Smile Life

    Show life that you have a thousand reasons to smile

    Get in touch

    © Copyright 2021 ELIB.TIPS - All rights reserved.